Afortunada.

Fui apanhar amoras com o meu pai. Não foi a primeira vez. Eu e a minha irmã temos bem guardado na memória os verões passados na aldeia, os banhos no tanque, as brincadeiras com os primos e as amoras, apanhadas por nós para os nossos pais fazerem o doce para os dias de férias que… Continue a ler Afortunada.

para hoje..

Desapego: Soltar, entregar, deixar ir, deixar partir, fluir, viver no presente sem o peso do passado e sem expectativas para o futuro, saber que somos passageiros aqui e que nada realmente nos pertence. Tudo o que vem, vem no tempo certo e no fim de contas, no momento certo, tudo se acerta. L.O